Jornal Folha da Mata - Viçosa / MG

Área do Usuário Assinar Cadastrar Entrar
Grupo Impacto de Danças retorna de sua primeira turnê internacional

Nascido de um projeto social, o grupo se apresentou na Bélgica e na Holanda
Cultura, arte, esforço, conquistas, dificuldades, superação, sucesso e 24 anos de história fazem parte da vida do Grupo Impacto de Danças, criado em Viçosa e com potencial para brilhar no mundo inteiro. Os dançarinos acabam de voltar de uma turnê de apresentações na Europa, a primeira no exterior. Apesar de todo o sucesso, o Grupo enfrenta dificuldades para se manter sem o apoio financeiro aos seus profissionais .
“Esperamos que as coisas possam mudar e melhorar um dia para que a arte possa ser muito mais valorizada”, diz Jean Carlo do Nascimento, de 34 anos, um dos integrantes que há mais tempo está no Grupo e que há mais de um ano não recebe pelo trabalho. Formado em licenciatura e bacharelado em Dança pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), Jean ministra aulas de dança fitness, de rua e também monta coreografias para festas de 15 anos e casamentos para ter remuneração.

HISTÓRIA
DE CONQUISTAS
Atualmente formado por 12 dançarinos profissionais, o Impacto foi fundado em 1994 por bailarinos formados no Núcleo de Arte e Dança, com apoio de projetos sociais e do Centro Experimental de Artes, ligado a Prefeitura de Viçosa.
Em 2009 o Grupo se profissionalizou. Segundo a diretora, Patrícia Lima, a profissionalização significa “viver desta arte [a dança], receber para ser esse profissional [dançarino]. Como bailarinos, também temos uma história de formação, nem sempre só ligada às universidades, mas aos que praticam e se formam em escolas de dança certificados pelo Sated (Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões), que representa os artistas e nos confirma como profissionais da dança”, explica.
A profissionalização aconteceu por meio do Instituto Asas, entidade sem fins lucrativos, e através de projeto da Lei Estadual de Incentivo a Cultura. Posteriormente aprovado, o Grupo conseguiu captar recursos, segundo Patrícia, e se profissionalizou criando espetáculos, remunerando os integrantes, produzindo e executando oficinas em Viçosa e cidades da microrregião.
Ainda em 2009, o Grupo conquistou o Prêmio Cenas Minas. Em 2011, foi semifinalista do programa "Se ela dança eu danço", do SBT. Nesse ano também conquistou o 2º lugar no 12º Festival Internacional de Hip-Hop na categoria avançada. Em 2012, foi selecionado entre duzentos grupos inscritos para se apresentar no 25º Inverno Cultural de São João del Rei. Também em 2012, no 3º Festival de Inverno de Danças do Piranga, realizado em Ponte Nova, faturou sete prêmios. Em 2014, o Grupo Impacto conquistou, dentre 700 participantes, o Prêmio Hip Hop promovido pelo Ministério da Cultura e realizado pela Funarte em parceria com a Secretaria de Cidadania e da Diversidade Cultural. Foi premiado com o 1º lugar como melhor grupo do Festival Internacional de Hip Hop (FIH2), em Curitiba, em 2015, na categoria mais concorrida.
Agora, em agosto de 2018, o grupo viçosense acaba de retornar da Europa, onde realizou sua primeira turnê internacional.

RETORNO

Os integrantes do grupo já estão em terras viçosenses desde terça-feira, 14, após uma semana de viagem.
Quem quiser apoiar o Grupo Impacto pode entrar em contato pela página no Facebook, Instagram ou enviar e-mail para institutoasasmg@gmail.com. Também é possível depositar na conta do Instituto Asas: Banco do Brasil, Agência 0428-6, Conta Corrente 29.338-5.

 

Autor: Folha da Mata

Leia outras notícias

Facebook

Como chegar

Jornal Folha da Mata

Endereço

Dr. Milton Bandeira, 160 - Sala 107 - Centro
Viçosa - MG
CEP: 36570-000

Telefone

(31) 3891-2883