Jornal Folha da Mata - Viçosa / MG

Área do Usuário Assinar Cadastrar Entrar
Vereador ameaça denunciar Saae ao MP Federal

Afirmando que está cansado de esperar por respostas do Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Viçosa) sobre questionamentos relacionados à construção da Estação de Tratamento de Esgotos (ETE Barrinha), obra parada, segundo ele, por incompetência da Prefeitura, o vereador Professor Idelmino (PCdoB) afirmou, na reunião desta terça-feira, 15, que vai acionar o Ministério Público Federal para conseguir na Justiça as informações omitidas pela direção da autarquia.
A Câmara Municipal de Viçosa, através de requerimento do vereador, havia convocado o diretor do Saae, Romeu da Paixão, para apresentar, na reunião desta semana, explicações sobre a paralisação da obra da ETE/Barrinha, mas o diretor não compareceu.
O ponto central reclamado pelo vereador Professor Idelmino diz respeito ao relatório apresentado pela empresa Despro - Desenvolvimento de Projetos e Consultoria Ltda, sobre os serviços que já foram executados no canteiro da obra, até agora, o qual ainda não foi divulgado. “Não se sabe, por exemplo, o que será aproveitado do serviço que já foi concluído. Será que haverá demolições? Pelo que tudo está indicando, o dinheiro público foi, mais uma vez, mal investido”, denunciou o vereador, que ainda afirmou: “se existe um culpado, esse é a administração Luciano Piovesan e Ângelo Chequer”, disparou o vereador.
Outra situação levantada pelo vereador diz respeito a uma liminar concedida pela Justiça, a pedido do MPMG (Ministério Público de Minas Gerais), que, desde o 2º semestre de 2016, proíbe a Prefeitura de lançar esgoto sem tratamento nos ribeirões que cortam a cidade, com possibilidade de pagamento de multa em caso de descumprimento.

 

Autor: Folha da Mata

Leia outras notícias

Facebook

Como chegar

Jornal Folha da Mata

Endereço

Dr. Milton Bandeira, 160 - Sala 107 - Centro
Viçosa - MG
CEP: 36570-000

Telefone

(31) 3891-2883