Jornal Folha da Mata - Viçosa / MG

Área do Usuário Assinar Cadastrar Entrar
Prefeitura finaliza retaludamento de encosta na avenida Castello Branco

A obra de construção de taludes e retirada de terra proveniente de deslizamento da encosta sobre a avenida Marechal Castello Branco, a cerca de 100 metros da rodoviária de Viçosa, foi concluída na noite de sábado último, 23, permitindo que a prefeitura da cidade liberasse o local para o tráfego de veículos no domingo, 24, pela manhã.
Para que isso fosse possível, durante a tarde e a noite de sábado, funcionários das secretarias de Obras e Serviços Urbanos, de Agropecuária e Desenvolvimento Rural e do Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto), trabalharam no local, retirando tapumes de proteção e a terra que sobrou na pista, através de varrição e jatos d’água. Para isso foram usados caminhões pipa da empresa Kalatur e do Saae, além de dois tratores agrícolas com pipa acoplada.
A via estava interditada desde 13 de novembro, quando uma forte chuva provocou o deslizamento do barranco que cobriu mais da metade da pista, tornando perigoso o trânsito no local que é de intenso fluxo de veículos.
Durante o período, o tráfego de veículos leves foi realizado pela Via Alternativa e para caminhões e ônibus coletivos e intermunicipais, o trânsito era realizado pela avenida Joaquim Lopes de Faria.
A Prefeitura informou que está finalizando a totalização do quantidade de viagens de caminhões que foram usados na remoção da terra, com base nos controles diários dos boletins de medição, bem como a totalização de horas de maquinário (escavadeira hidráulica, pá carregadeira, retroescavadeira, caminhões pipa e tratores agrícolas acoplados com pipa), para divulgar o total de recursos gastos pelo município na obra e adiantou que já foram pagos à Cimvalpi (Consórcio Intermunicipal Multisetorial do Vale do Piranga), R$ 80 mil, referente a um acerto parcial pelo uso de máquinas e caminhões daquela associação.

PRÓXIMAS FASES
Na quarta-feira, 20, ocorreu a abertura do processo de licitação 3016/2017, para contratação da empresa especializada, para revegetação da encosta com utilização de hidro-semeadura e biomanta antierosiva para aplicação nos taludes que estão sendo construídos, tendo sido vencedora a empresa Defesa Florestal Ltda., de Belo Horizonte. O valor do contrato foi estipulado em R$ 95 mil e os serviços terão início nos próximos dias.
Agora a Prefeitura está finalizando o levantamento quantitativo de concreto usinado para concretagem das cristas dos taludes e das canaletas e escada hidráulica de drenagem. Logo após a realização do plantio a secretaria de Obras iniciará a construção da estrutura de drenagem de águas pluviais nos taludes, com a construção das canaletas e escada hidráulica, ambas para captação de águas pluviais em toda extensão dos taludes. Os serviços terão início nos próximos dias, após a finalizar a mobilização pessoal material e de equipamentos.

CUSTOS
Nas últimas duas semanas mais uma pá carregadeira e aproximadamente 15 caminhões foram incorporados aos serviços, para atender à demanda de retirada de terra. Desses, quatro caminhões são da prefeitura, nove, emprestados por Prefeituras da região e os demais cedidos pela Associação Mineira de Munícipios e alugados de uma empresa predadora de serviço. De acordo com o superintendente de Gestão Pública e Governança Luciano Piovesan, na semana que vem a Prefeitura apresentará um balanço final das obras, com todas as informações técnicas, serviços realizados e os custos, além de informações completas de todos os serviços realizados.

 

Autor: Folha da Mata

Leia outras notícias

Facebook

Como chegar

Jornal Folha da Mata

Endereço

Dr. Milton Bandeira, 160 - Sala 107 - Centro
Viçosa - MG
CEP: 36570-000

Telefone

(31) 3891-2883