Jornal Folha da Mata - Viçosa / MG

Área do Usuário Assinar Cadastrar Entrar
Depósito de lixo a céu aberto continua desafiando autoridades viçosenses

Mais uma vez o descarte e a coleta do lixo urbano em Viçosa voltam a ser destacados no jornal Folha da Mata e parece que tão cedo não deixarão de ser notícia. Pena que, infelizmente, todas as vezes que se toca no assunto é para reclamar da inércia do setor de coleta do lixo do Saae, e os moradores quase sempre ficam sem respostas aos seus questionamentos.
Por exemplo, na maioria dos casos de lixo acumulado pela cidade a culpa é da própria população que não respeita o horário de coleta e que insiste em descartar o lixo nas vias públicas, sem a mínima consideração e pudor.
O titulo da matéria faz referência, principalmente, ao bairro São José (Laranjal) onde os moradores jogam lixo e entulho em um espaço público, próximo a residências e próximo a uma escola. O fato já foi noticiado pela reportagem do jornal sem, contudo, ter sensibilizado os malfeitores, que continuam a sujar e a enfeiar a via em atitude de desafio às autoridades que, por sua vez, permanecem alheias ao problema.
Não precisa andar muito para comprovar a reclamação de outro morador, desta vez, no centro da cidade. Ele queixa-se de que o antigo lixão da Rua Álvaro Gouveia não acabou, mas apenas mudou de local. Antes, o depósito era perto de um ponto de fretes localizado próximo à Praça Emílio Jardim. Agora, o lixo está sendo amontoado um pouco mais à frente, na antiga linha férrea, entre as ruas Álvaro Gouveia e Santana, tudo à vista de quem deveria zelar pelo conforto e comodidade da população.
No bairro de Fátima, mais precisamente na rua Antônio Césario Fialho, em plena manhã de domingo, o cartão postal é sempre um amontoado de lixo que se espalha pelas portas das residências, deixando em estado deplorável os passeios e entupindo os bueiros. Alguns moradores dizem que o lixo é colocado ali por um comerciante da rua Maria das Neves de Jesus, mas há casos também de pessoas que trazem o lixo de ruas adjacentes e o depositam ali, utilizando-se da velha máxima “transfiro para a porta do vizinho, o problema que não quero na minha”.
Todas as situações citadas e outros casos que não apareceram na matéria, vêm gerando preocupação nos moradores que são obrigados a conviver com ratos, aranhas caranguejeiras, baratas, cobras e, no período das chuvas, com a ameaça de dengue.
Apesar de a Vigilância Sanitária estar constantemente visitando as residências e informando sobre o perigo da dengue, nenhuma providência foi tomada pelos órgãos responsáveis pela cidade em relação aos casos apontados na reportagem.
No Laranjal, a impressão que se tem é que os responsáveis pelo descarte irregular do lixo o fazem com o propósito de aporrinhar os vizinhos e desafiar o Departamento de Limpeza. No Fátima, é a Lei do Gerson que prevalece (levar vantagem em tudo), e na rua Santana (leito da via férrea) é a desobediência à lei que impera.

Rotas
A fim de disciplinar a coleta em todos os bairros, o Saae de Viçosa (Serviço Autônomo de água e Esgoto) elaborou rotas com horários, dias e locais para a retirada do lixo orgânico em todas as ruas da cidade. Apesar disso, os moradores insistem em não colocar o lixo para fora no momento certo e com isso contribuem para a formação dos lixões em vias públicas, principalmente, durante os feriados e aos domingos.
O sistema de coleta em Viçosa é dividido por cinco zonas, com as seguintes rotas e horários de coleta:

Rota 1:
Bom Jesus, Sagrada Família, Estrelas, Conceição, Fátima, Clélia Bernardes e Ramos). Início às 7 horas, todos os dias.

Rota 2:
Belvedere, Santo Antônio, João Braz, Recanto da Serra, Inconfidência, Liberdade, Silvestre, Novo Silvestre e Parque do Ipê. Início às 7 horas, todos os dias.

Rota 3:
São Sebastião, União, Vale do Sol, João Mariano, Fuad Chequer, Nova Era, Júlia Molá, Inácio Martins, Prefeito Moacir Dias de Andrade, Boa Vista, São José, Vau Açu, Residencial Silvestre, Arduino Bolívar, Barrinha, Cidade Nova e Distrito Industrial. Início às 7 horas, todos os dias.

Rota 4:
Lourdes, Betânia, JK, Santa Clara, Morada do Sol I e II, Maria Eugênia, Loteamento Jardim. Início às 7 horas, todos os dias. Nova Viçosa e Coelhas (terça, quinta e sábado). Início às 7 horas. Cachoeira de Santa Cruz e São José do Triunfo (segunda, quarta e sexta-feira). Início às 7 horas.

Rota 5:
Bela Vista, Romão dos Reis, Condomínios Acamari, Octávio Pacheco, Monte Verde e Reserva Real; Paraíso e no Centro. Início às 18 horas, todos os dias.
Através site: www.saaevicosa.mg.gov.br o leitor pode conferir os horários de coleta e as rotas dos caminhões do Saae.

 

Autor: Folha da Mata

Leia outras notícias

Facebook

Como chegar

Jornal Folha da Mata

Endereço

Dr. Milton Bandeira, 160 - Sala 107 - Centro
Viçosa - MG
CEP: 36570-000

Telefone

(31) 3891-2883